Diário da Serra

Cliente estupra garota de programa em MT e depois diz para vítima que tem HIV

G1 MT 24/06/2019 Polícia

Uma garota de programa denunciou ter sido estuprada na noite desse domingo (23), em Rondonópolis, a 218 km de Cuiabá. Segundo a Polícia Militar, a vítima, de 24 anos, disse que foi estuprada e, depois do crime, o suspeito relatou que tem HIV.

 

De acordo com a PM, a garota de programa relatou que foi contratada pelo suspeito por meio de um site.

 

Ela orientou o cliente para que fosse até um motel onde eles se encontrariam, no entanto, o suspeito disse para irem em outro lugar.

 

O suposto cliente a buscou e a levou para um local isolado, perto do motel. A vítima perguntou porque ele havia parado no local, quando começou a ser estuprada.

 

O suspeito não sou preservativo, agrediu a vítima e, depois do estupro, revelou ser portador de HIV e de outras doenças.

 

A vítima se desesperou e ameaçou chamar a polícia. Ele parou o carro e ela pediu ajuda perto do motel. O cliente fugiu e não foi encontrado. A vítima recebeu atendimento na Unidade de Pronto Atendimento (UPA). Um boletim de ocorrência foi registrado na 1ª Delegacia da Polícia Civil.

Notícias da editoria