Diário da Serra

PL de transporte por app’s retornará à Câmara

Fabíola Tormes / Redação DS 05/11/2019 Política

A garantia é do suplente Adilson Gonçalves de Oliveira

Paquito do Táxi assumiu como vereador por 31 dias

O Projeto de Lei que prevê a regulamentação do transporte de passageiros por aplicativo em Tangará da Serra, entre eles o POP 69, Urbano Norte e Urban  66, retornará a Câmara Municipal ainda este mês, no mais tardar em dezembro.


A garantia é do suplente de vereador Adilson Gonçalves de Oliveira (PSB), o Paquito do Táxi, que mesmo fora da Casa de Leis, continuará acompanhando as discussões. “Estou com liberdade, dada por meus colegas vereadores, para dar continuidade às discussões, participando das reuniões, para concluir essa regulamentação do serviço de transporte por aplicativo em Tangará”, afirmou o suplente, ao relembrar que o projeto seria discutido na sessão do dia 22 de outubro, porém foi retirado da pauta.


Paquito lembra que o projeto gerou uma polêmica, desnecessária. “Houve um desentendimento, mas fomos conversando, fizemos uma reunião (…) e estão de acordo a regulamentar e criar esse projeto de Lei para dar continuidade a prestação do serviço, de forma legal, junto ao município”.


Segundo Paquito, projeto passou pela Assessoria Jurídica da Câmara de Tangará, assim como pelas mãos do prefeito Fábio Junqueira e empresários do setor. “Acredito que ainda no final deste mês ele deve entrar em tramitação na Câmara Municipal para ser apreciado pelos vereadores”.


Paquito do Táxi assumiu como vereador por 31 dias no lugar de Sebastian Ramos (PSB). Foram cinco sessões e muito trabalho, segundo ele. “Nos dedicamos bastante no exercício de vereador. Apresentamos várias indicações e requerimentos ao Executivo Municipal e também apresentamos aos nossos deputados federais e nossos senadores”, destaca. “Participamos também de várias reuniões, entre elas com motoristas e autoridades para tratar da regulamentação do transporte de passageiros por aplicativo em Tangará”.
 

Notícias da editoria