Diário da Serra

Sistema FAMATO: Tangará da Serra ganhará centro de excelência ILPF

Enfoque Business 12/11/2019 Rural

Sistema ILPF promove a recuperação de áreas de pastagens degradadas agregando, na mesma propriedade, diferentes sistemas produtivos.

Rural

Um centro de excelência em Integração Lavoura-Pecuária-Floresta (ILPF) será construído em Tangará da Serra a partir de 2020. As obras, já em licitação pelo Sistema FAMATO, terão lugar no Parque de Exposições, junto ao Anel Viário, e serão geridas pelo SENAR-MT.

A informação é do presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Mato Grosso (FAMATO), Normando Corral (foto), reeleito ontem (segunda, 11/11) para dirigir a entidade no triênio 2020/2022.

A Integração Lavoura-Pecuária-Floresta (ILPF) promove a recuperação de áreas de pastagens degradadas agregando, na mesma propriedade, diferentes sistemas produtivos, como os de grãos, fibras, carne, leite e agroenergia. Busca melhorar a fertilidade do solo com a aplicação de técnicas e sistemas de plantio adequados para a otimização e a intensificação de seu uso.

Dessa forma, permite a diversificação das atividades econômicas na propriedade e minimiza os riscos de frustração de renda por eventos climáticos ou por condições de mercado.

A integração também reduz o uso de agroquímicos, a abertura de novas áreas para fins agropecuários e o passivo ambiental. Possibilita, ao mesmo tempo, o aumento da biodiversidade e do controle dos processos erosivos com a manutenção da cobertura do solo.  Aliada a práticas conservacionistas, como o plantio direto, se constitui em uma alternativa econômica e sustentável para elevar a produtividade de áreas degradadas.

Reeleição

Morador de Tangará da Serra e ex-presidente do Sindicato Rural local, Normando Corral foi reeleito para presidir a Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Mato Grosso para os próximos três anos (triênio 2020/2022). A eleição ocorreu nesta segunda-feira (11/11), em Cuiabá, em chapa única – “União” -, com aprovação de 98,8% dos presidentes de sindicatos rurais do estado que compareceram à votação.

A proposta macro de Normando Corral à frente da entidade é a integração entre os sindicatos rurais e a consolidação da regionalização do Sistema FAMATO no estado.

 

Notícias da editoria