Diário da Serra

Movimento Rotário de Alfabetização de Adultos forma 85 novos alunos

Fabíola Tormes / Redação DS 28/11/2019 Educação

São 27 anos em atividade, atingindo 4,5 mil adultos alfabetizados

Foram várias ações realizadas neste ano

O Rotary Club Tangará Cidade Alta encerrou nesta quinta-feira, 28, mais uma etapa do Projeto Moral – Movimento Rotário de Alfabetização de Adultos. A festiva de encerramento deste ano foi realizada na noite desta quinta-feira, 28, nas dependências da Casa da Amizade.


Segundo o diretor da Comissão de Alfabetização, Edson Hoffmann, já são 27 anos trabalhando na alfabetização de adultos, atingindo neste ano um número bastante expressivo de aproximadamente 4,5 mil adultos alfabetizados. “Um trabalho de formiguinha, feito com todo prazer, com todo coração”, afirma.


Somente neste ano foram 85 alunos participando e que receberam seus certificados de conclusão de mais uma etapa, na noite desta quinta. Houve também sorteio de prêmios e diversas homenagens. Esses alunos, explica o diretor, estiveram divididos em seis turmas, sendo uma na Escola Estadual Emanoel Pinheiro, uma turma na Comunidade Terapêutica Resgate e outra na Comunidade Terapêutica Viver de Novo, duas turmas na zona rural, nas escolas Che Guevara e Marechal Rondon, e uma turma no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Tangará da Serra. Estes últimos, reeducandos, não participaram da solenidade de formatura nesta quinta, mas  serão certificados nos próximos dias.


Além da alfabetização dos adultos, o projeto tem ainda outras ações durante todo o ano. “Nós levamos palestras diversificadas a eles, em diferentes áreas, confeccionamos e doamos camisetas de uniformes, distribuímos material didático de uso coletivo e individual, se necessário, procedemos com exames oftalmológicos aos alunos e aqueles que precisam de óculos fazemos a doação, sem custo aos alunos (…) Então o projeto só existe pelo envolvimento dos associados e pelas parcerias, sejam elas públicas ou privadas, que são de suma importância para que o projeto aconteça, afinal de contas, são 27 anos de projeto, quatro mil e quinhentos alunos que já passaram por ele”, finaliza, ao agradecer a participação de todos os envolvidos.



Notícias da editoria