Diário da Serra

Lucas do Rio Verde fecha ano gerando 1,5 mil empregos a mais e indústria lidera

Só Notícias 27/01/2020 Polícia
Polícia

Lucas do Rio Verde fechou 2019 gerando 1,532 empregos a mais na indústria, setor de serviços, comércio e no agronegócio. É o resultado de 16.592 contratações e 15.422 demissões feitas durante todo o ano. Os dados foram divulgados na 6ª pelo Cadastro de Empregados e Desempregados do Ministério do Trabalho.

 

O campeão na geração de empregos foi a indústria de transformação com 536 empregos gerados a mais, seguido do setor de serviços com 497, comércio com 368 e a agropecuária com 177 funcionários contratados a mais.

 

Sinop gerou no ano passado 2,7 mil empregos a mais. Sorriso teve 2,5 mil funcionários contratados a mais no ano, Cuiabá 1,3 mil.

 

Quanto ao resultado de dezembro (mês passado, Lucas fechou no vermelho (assim como praticamente todos os grandes municípios de Mato Grosso). Foram 433 dispensados a mais, saldo de 1.423 demissões e 990 contratações.  A indústria foi quem mais dispensou: 154. Foram 368 demitidos e 214 admitidos.  Na construção civil foram141 mandados embora a mais – 318 desligados e 177 contratados. A agropecuária fechou 72 vagas a mais, resultado de 176 dispensados e 104 contratados.  O comércio demitiu 46 a mais após fazer 333 contratações e demitir 287.

 

Nenhum segmento, em dezembro, teve mais contratações.

Notícias da editoria