Diário da Serra

Fazendeiro de Sapezal é encontrado morto e amarrado dentro de carro

Mídia News 29/01/2020 Polícia

Corpo do fazendeiro Inácio Eurico Vogt foi encontrado pela PM

Polícia

O fazendeiro Inácio Eurico Vogt, que morava em Sapezal, foi encontrado morto com as mãos amarradas dentro de um carro, na noite dessa terça-feira (28), na MT-364, entre Comodoro e Campos de Júlio.

 

Conforme o boletim de ocorrência, a Polícia Militar recebeu a denúncia de que dois homens estavam em um posto agindo de forma suspeita, por volta das 20h50.

 

Eles teriam pedido para um funcionário encher um galão de 20 litros alegando que iriam abastecer outro veículo que estava longe.

 

Com isso, os policiais foram até o local e deram sinal de parada para a dupla. No entanto, os criminosos fugiram em alta velocidade, dando início à perseguição.

 

Por rádio, os militares solicitaram apoio e o reforço conseguiu realizar um bloqueio na pista.

 

O condutor, então, jogou o carro fora da rodovia. A dupla fugiu a pé por um matagal.

 

No veículo, os PMs encontraram o corpo de Inácio deitado no banco de trás, com os braços amarrados e muito sangue.

 

Uma ambulância foi acionada e constatou a morte da vítima.

 

A esposa do fazendeiro informou aos policiais que o marido saiu de casa por volta das 18h e não teve mais nenhum contato com a família.

 

Ainda conforme a PM, os criminosos são de Cuiabá e um deles já foi identificado. As buscas pelos suspeitos na mata continuam.

 

No Facebook, amigos e parentes lamentaram a morte. A Câmara de Vereadores de Sapezal divulgou nota na rede social.

 

"Neste momento de dor, nos solidarizamos com seus familiares ratificando nosso voto de pesar pela grande perda".

 

Notícias da editoria