Diário da Serra

Justiça determina o afastamento de presidente da Câmara de Campos de Júlio (MT)

G1 MT 19/02/2020 Política

Rodrigo Lemes de Paula (Pros) foi afastado e está proibido de acessar as dependências do Legislativo e do Executivo

Política

A Justiça determinou na segunda-feira (17) o afastamento do presidente da Câmara de Campos de Júlio, a 692 km de Cuiabá, Rodrigo Lemes de Paula (Pros), do cargo. Ele é acusado de improbidade administrativa por irregularidades na reforma do prédio da Câmara. A reportagem não conseguiu contato com o parlamentar.

 

O parlamentar também está proibido de acessar as dependências do Legislativo e do Executivo.

 

O afastamento foi pedido em janeiro deste ano pelo Ministério Público do Estado de Mato Grosso (MPMT), que ingressou com uma ação civil pública contra o vereador.

 

A medida, de acordo com o MP, é necessário porque há indícios de que Rodrigo estivesse tentando atrapalhar as investigações contra ele. O auditor nomeado para apurar os atos de improbidade administrativa denunciou perseguição, retaliação e outras formas de abuso de autoridade por parte do vereador.

 

No pedido de afastamento, o MP afirma que "Rodrigo Lemes de Paula promove medidas retaliatórias desta estirpe, constrangendo frontalmente e usurpando ilegalmente as atribuições do servidor público que é a principal testemunha a ser ouvida acerca da conduta irregular dele".

Notícias da editoria