Diário da Serra

Deputado estadual testa positivo para covid e aumenta tensão na AL

Gazeta Digital 13/05/2020 Saúde

Com a confirmação, aumenta a tensão dentro da Assembleia Legislativa, já que o parlamentar continuou trabalhando após a realização do teste

Saúde

O deputado estadual Paulo Araújo (PP) é o primeiro político de Mato Grosso com resultado positivo com o novo coronavírus. A confirmação ocorreu nesta quarta-feira, 13, após a realização do teste feito na semana passada. Com a confirmação, aumenta a tensão dentro da Assembleia Legislativa, já que o parlamentar continuou trabalhando após a realização do teste.


"O deputado deve ter tido contato com outros 10 deputados após o exame, sem contar com os servidores. Então temos que redobrar os cuidados a partir de agora", disse um parlamentar. Além do mandato, Paulo Araújo é servidor concursado da Secretaria de Estado de Saúde.
 

Em nota, o deputado confirmou o resultado e informou que " iniciou imediatamente a sua quarentena e está seguindo todas as recomendações médicas para melhora".
 

E reforçou a necessidade do "distanciamento social e com os cuidados para evitar a propagação desse vírus altamente contagioso". Os assessores do parlamentar também farão isolamento social.
 

Ao todo 15 parlamentares realizaram o teste para covid-19 e começarão a receber o resultado a partir desta quarta-feira. Isso porque os exames foram enviados para um laboratório de São Paulo para averiguar se os parlamentares foram contaminados com o novo coronavírus.
 

Os testes foram realizados depois que o advogado Xisto Bueno esteve com vários deputados para discutir uma proposta do Fórum Agro, entidade que ele é consultor. Xisto namora com uma servidora da Assembleia, que foi isolada após o advogado ter testado positivo para covid-19.
 

Novos testes
 

Com a confirmação da contaminação do deputado Paulo Araújo, alguns deputados já avaliam realizar novos testes, já que após os exames, os parlamentares tiveram contatos direto com Araújo.
 

Servidores
 

Três servidores da Assembleia fora afastados após testarem positivo para a covid-19. Diante da confirmação dos casos, novos testes começaram a ser realizados na terça-feira, 12. A mesa diretora da Assembleia decidiu realizar testes em todos os servidores por bloco e setores do Legislativo para evitar uma contaminação geral dentro do parlamento.

Notícias da editoria