Diário da Serra

Delegacia da Mulher completa cinco anos de atuação em Tangará da Serra

Fabíola Tormes / Redação DS 15/05/2020 Polícia

A unidade especializada da Polícia Judiciária Civil realiza o atendimento de mulheres, crianças e adolescentes que vivenciaram situações de violência física, moral e sexual

Polícia

A Delegacia Especializada de Defesa da Mulher de Tangará da Serra completa nesta sexta-feira, dia 15 de maio, cinco anos de atuação no Município. 


A unidade especializada da Polícia Judiciária Civil realiza o atendimento de mulheres, crianças, adolescentes e idosos que vivenciaram situações de violência física, moral e sexual. É responsável pelo registro de ocorrências, investigação e apuração de crimes. Além disso, faz a solicitação de medidas preventivas previstas na Lei Maria da Penha e o encaminhamento diversos.

 

Em Tangará da Serra, a Delegacia da Mulher foi inaugurada dia 15 de maio de 2015 e nesse período – de 2015 a 14 de maio de 2020 – foram ouvidas mais de 6,7 mil pessoas em procedimentos, além de 2.115 inquéritos policiais instaurados, 1.226 pedidos de medidas protetivas, 576 presos por flagrante e mandado de prisão, sendo 31 presos por estupro de vulnerável (artigo 217-A do CPB).


Para a Delegada titular da DEDM de Tangará da Serra, Liliane Soares Diogo, são cinco anos de avanço nas ações de prevenção, proteção e investigação dos crimes de violência doméstica e violência sexual, demonstrado em números. “Numa análise de como era antes da Delegacia da Mulher e agora, após a instalação, podemos verificar que o número de ocorrências, o número de denúncias e inquéritos, praticamente mais que dobrou em relação a quando éramos apenas um cartório na primeira DP [Delegacia de Polícia]”, analisou a delegada titular, ao destacar que com a instalação da Delegacia da Mulher foi possível fazer um trabalho com mais ênfase, mais eficácia, atendendo melhor as vítimas de violência doméstica familiar, bem como as vítimas idosas e as crianças.


“Esse trabalho pode ser feito da melhor forma com a sede da Delegacia da Mulher”, completou, ao destacar o trabalho e apoio da equipe especializada da unidade, assim como o apoio de escrivães e investigadores foi importante. 


Além do avanço nas ações, a delegada Liliane Soares Diogo destaca ainda que a instalação da unidade oportuniza um tratamento humanizado às vítimas, com equipe especializada e espaços preparados para cada situação e público. “Em relação as crianças temos uma brinquedoteca, que elas possam se sentir mais a vontade”, conta, explicando ainda que as salas são individualizadas, para as oitivas serem feitas de forma mais reservada. “E todo o pessoal tem uma orientação de como tem que tratar as vítimas, para que ela seja bem atendida”.


“Espero que estejamos realizando um bom trabalho, a contento e sempre a disposição da sociedade para qualquer dúvida, qualquer necessidade”, finaliza. 


A Delegacia Especializada de Defesa da Mulher está localizada na Avenida Brasil esquina com Avenida 28, nº. 62E, Centro. Telefone: (65) 3325-3413.

Notícias da editoria