Diário da Serra

Produtividade de café bate recorde em dois municípios

Rosana Persona / Empaer-MT 22/05/2020 Rural

De acordo com a assessoria daEmpaer, essa é maior colheita de grãos registrada nas regiões de Nova Santa Helena e Colniza

IMAGEM ILUSTRATIVA

A colheita do café bateu recorde em produtividade e atingiu 114,28 sacas por hectare em duas propriedades, localizadas nos municípios de Nova Santa Helena e Colniza. De acordo com a assessoria da Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural  (Empaer), essa é maior colheita de grãos registrada nas duas regiões.


O agricultor familiar Edmar Mutz, que de Colniza colheu 240 sacas de café numa área de dois hectares. Já em Nova Santa Helena a colheita também é comemorada pelos cafeicultores que atingiram a média de 45 sacas de café por hectare.


O engenheiro agrônomo da Empaer, Ronaldo Benevides, destacou que foi utilizada tecnologia para produção com a análise de solo, correção e adubação de plantio, adubação de cobertura, podas, irrigação, monitoramento e controle de pragas e doenças com o objetivo de obter boa produtividade e altos rendimentos econômicos. “Investir em tecnologia, além de proporcionar uma alta produtividade, facilita a colheita, que é realizada pelo produtor. A mão-de-obra é o grande responsável pelo custo da produção”, esclarece.


Alguns agricultores estão cultivando a variedade BRS Ouro Preto, oriunda da Embrapa e outros cultivam as variedades crioulas Conilon e clones dos novos materiais de Robusta Amazônicos.

Notícias da editoria