Diário da Serra

QUARENTENA – Escolas estaduais suspendem atividades internas

Fabíola Tormes / Redação DS 29/06/2020 Educação

Até 9 de julho seguem suspensas a entrega de apostilas e dos kits

Entrega dos kits de alimentação estão suspensos

O Governo do Estado de Mato Grosso mudou a regra para o trabalho presencial nos órgãos públicos, incluindo as unidades escolares do Estado. A medida visa restringir o número de servidores para conter a disseminação da Covid-19.


Nas unidades educacionais, em que os profissionais estavam trabalhando em regime de escala e/ou revezamento, o trabalho foi totalmente suspenso e seguirá até 9 de julho. “Todos os profissionais que se encontram em atividades escolares em escala/revezamento (...) deverão adotar a quarentena obrigatória, durante o período de 25 de junho de 2020 a 9 de julho de 2020”, delibera a Secretaria de Estado de Educação, em Nota Técnica enviada as escolas de Cuiabá e Várzea Grande, além das escolas dos Municípios classificados pelo Estado como ‘alto’ e ‘muito alto’, incluindo Tangará da Serra e outras 13 cidades mato-grossenses.


“Uma paralisação das atividades durante o período de 15 dias”, ratifica o assessor Pedagógico de Tangará da Serra, Saulo Scariot. Dessa forma, com a suspensão das atividades internas neste período, estão paralisadas também a entrega de apostilas aos alunos e a entrega de kits alimentação escolar às famílias em vulnerabilidade.


Já as unidades escolares localizadas nos municípios que não estão descritos na Nota Técnica, a orientação é para que sigam com atividades reduzidas, mantendo profissionais em escalas de revezamento, atendimento ao público seguindo as regras da OMS, seguindo regras de higienização dos espaços administrativos e uso de máscara.

Notícias da editoria