Diário da Serra

Eleições 2020 – Tangará terá 219 seções e 69.332 eleitores aptos a votar

Sergio Roberto / Enfoque Business 26/08/2020 Política

Baixo número de voluntários preocupa Justiça Eleitoral

Eleições acontecerão dia 15 de novembro

Um total de 69.332 eleitores são esperados nas urnas pela Justiça Eleitoral no dia 15 de novembro para as eleições municipais, em Tangará da Serra. As informações são do Cartório da 19ª Eleitoral.


Outros 6.768 eleitores tangaraenses tiveram seus títulos cancelados por não terem comparecido em três pleitos consecutivos e 958 estão com seus títulos suspensos por condenação criminal.


Os eleitores, que escolherão os novos prefeito e vice, além dos 14 vereadores, estão distribuídos em 219 seções eleitorais em 33 locais de votação.


Entre estes locais, vale destacar o remanejamento das urnas das seções da Escola Fábio Diniz Junqueira para a Creche Futuro Brilhante em razão das obras de reformas do educandário. Ou seja: quem antes votava na Fábio Diniz, no dia 15 de novembro terá de ir até à Futuro Brilhante depositar seu voto.


Voluntariado em baixa - Um problema, porém, chama atenção desde o início dos trabalhos da 19ª Zona Eleitoral com vistas ao próximo pleito. “Estamos tendo dificuldades com o baixo número de mesários voluntários. Hoje não temos nem metade. Há muitos pedidos de dispensa e baixa inscrição de voluntários”, consta em comunicado do Cartório Eleitoral à imprensa.


A origem do problema é o cenário incerto da pandemia do coronavírus para os próximos meses, a Justiça Eleitoral está especialmente preocupada com o possível “apagão” nesta etapa-chave do processo das eleições municipais deste ano.


Em Tangará da Serra, a demanda para o pleito é de 876 mesários para as 219 sessões, além do pessoal de apoio e logística. Vale lembrar que a 19ª Zona Eleitoral também abrange as sessões de Nova Olímpia, onde as 45 sessões distribuídas em oito locais demandarão 180 mesários, além dos demais atuantes.


Os dois municípios somam 81.867 eleitores aptos, sendo 69.332 em Tangará da Serra e 12.535 em Nova Olímpia.


Justiça Eleitoral debate ampliar tempo de votação nas Eleições 2020

Daniel Dino  / Assessoria TRE-MT

Os eleitores poderão ter uma hora a mais para votar nas Eleições 2020. Este foi um dos entendimentos obtidos durante reunião do Colégio de Presidentes dos Tribunais Regionais Eleitorais (Coptrel) nesta semana.


A ampliação do horário, de acordo com o presidente do TRE-MT, desembargador Gilberto Giraldelli. é uma das ações que podem ser adotadas como medida de prevenção a transmissão do Covid-19. A sugestão é das 7 às 17horas.


A convocação de mesários foi outro ponto abordado durante a reunião. “Foi nos repassado pelo presidente do TSE, que está garantido a cada colaborador o uso de equipamentos de proteção individual, os quais serão oriundos de doações feitas à Justiça Eleitoral. Os esforços visam garantir três máscaras para cada mesário, face shield, álcool em gel e que não haja contato físico com o eleitor e com sua documentação, além da fixação de cartazes com orientações de condutas adequadas. Aproveito para reforçar o pedido de apoio aos eleitores de Mato Grosso. Peço a todos que não pertençam ao grupo de risco que entre no site do TRE, www.tre-mt.jus.br, e se inscreva com mesário voluntário. Os mesários são fundamentais para que a eleição se concretize”, reforçou Giraldelli.
 

 

Notícias da editoria