Diário da Serra

Alunos da rede estadual de MT sofrem com falta de professores, alerta sindicato

José Pereira / TV Centro América 27/08/2020 Educação

De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público (Sintep), faltam cerca de 3 mil profissionais na educação, incluindo todas as funções, inclusive professores

Educação

A Secretaria Estadual de Educação (Seduc) confirmou que há falta de professores na rede de ensino e, como estamos em ano eleitoral, pela lei, o Poder Executivo não pode fazer nenhuma contratação nos 3 meses que antecedem a eleição, que estão marcadas para novembro.


A secretaria ainda informou que já foram efetivadas 3,5 mil contratações de professores interinos atribuídos no segundo calendário escolar, ou seja, no calendário das escolas que entraram em greve no ano passado e iniciaram as aulas online no dia 3 de agosto.
 

De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público (Sintep), faltam cerca de 3 mil profissionais na educação, incluindo todas as funções, inclusive professores. Só na escola Alcebíades Calhao são 6 professores a menos.
 

Até a volta das aulas presenciais, que ainda não tem data prevista, as escolas fornecem para os alunos conteúdos online. Sem professor, há risco de comprometimento do aprendizado e do ano escolar.

Notícias da editoria