Diário da Serra

Em convenção, PSC oficializa Jean Piccoli e a empresária Dora Santos como candidatos a prefeito e vice

Assessoria 15/09/2020 Política

A convenção do Partido Social Cristão foi realizada nesta segunda-feira

Política

O Partido Social Cristão (PSC) também realizou nesta segunda-feira, 14, sua Convenção Municipal e definiu o nome do advogado Jean Piccoli para disputar a prefeitura de Tangará da Serra. A vice do social cristão será a empresária do setor de eventos, Dora Santos. 


Na oportunidade, o partido deliberou entre os seus membros que não iria coligar com nenhum partido e lançaria chapa pura. Apesar desta decisão, a convenção contou com a presença de representantes do PSL, Democracia Cristã, Patriotas E PRTB, o partido do vice-presidente Hamilton Mourão, formando um grande arco de aliança de lideranças de direita que não aceitaram as coligações impostas pelos seus partidos e lideranças que já declararam apoio a Piccoli.


O advogado teve uma forte atuação na campanha que elegeu o presidente Jair Bolsonaro em 2018, organizando carreatas e divulgação nas redes sociais, após as eleições fez ferrenha oposição ao governo de Fábio Martins Junqueira sendo ele o autor do pedido de cassação do mandato do atual prefeito, que posteriormente foi cassado por decisão do Tribunal de Justiça de Mato Grosso.


Em conversa com nossa reportagem, o pré-candidato a prefeito disse estar preparado e que irá combater o coronelismo na politica aos grupões e as alianças duvidosas, e que em breve apresentará seu plano de governo voltado a atender as necessidades da população. 


Em relação a pré-candidata a vice-prefeita, Jean Piccoli informou que a escolha foi feita em comum acordo entre a executiva e que Dora tem muita experiência e serviços prestados na área social. Dora tem forte atuação nas áreas de educação e assistência social. Foi professora da Apae de Nossa Senhora do Livramento, região da baixada cuiabana, onde também trabalhou com adolescentes em situação de vulnerabilidade social no programa Pet, do governo federal.


“Se Deus nos permitir chegar na prefeitura, nosso objetivo maior será ajudar na elaboração de políticas públicas de conteúdo social em apoio as crianças, as mães carentes, aos idosos, aos deficientes físicos e a mulher vítima de violência doméstica”, resumiu Dora.



Notícias da editoria