Diário da Serra

“Fazendas São Marcelo estão democratizando o melhoramento genético”

Marcos Figueiró / Assessoria 30/07/2019 Geral

Com práticas sustentáveis, São Marcelo é referência

2ª Feira de Touros foi realizada no sábado

Ronaldo Quintão (PP) representou a Câmara Municipal no maior evento de melhoramento genético para a pecuária em Tangará da Serra. A 2ª Feira de Touros Fazendas São Marcelo foi realizada no sábado, dia 27, na Estrada Linha da Calcário, reunindo pequenos produtores da Gleba Triângulo e de toda a zona rural tangaraense, além de médios e grandes de toda a Região.


Para o presidente da Câmara, a ação das Fazendas São Marcelo representa a democratização da genética, com a abertura da possibilidade de que todos possam adquirir o resultado de anos de esforço de melhoramento. “(...)  participamos no intuito de demonstrar o apoio do Poder Legislativo, uma vez que o comércio de touros de genética nelore elevada e qualificada resultará em melhorias nas pequenas, médias e grandes propriedades, fazendo com que o produtor da região possa vir a ter animais de qualidade e vender de maneira mais precoce”.


As três unidades das fazendas São Marcelo em Mato Grosso representam a divisão do Grupo JD responsável pelas atividades pecuárias no Brasil. A adoção de práticas sustentáveis, com a consciência ambiental tornaram a São Marcelo referência em criação de gado. E todas as medidas adotadas, desde a seleção genética, criação dos animais e sustentabilidade, faz com que a São Marcelo seja a primeira fazenda de pecuária do mundo a conquistar a certificação Rainforest Alliance.
 

Notícias da editoria