Diário da Serra

Suspeito de se passar por PM é preso com arma e munições em Tangará

Paulo César Desidério / Redação DS 06/08/2019 Polícia

O homem já possui passagem pela polícia, por ter sido preso em Guiratinga-MT no final do ano passado pelo mesmo crime

Armas e objetos apreendidos

A Polícia Judiciária Civil logrou êxito na prisão de J.O.S. em Tangará da Serra. Por meio de denúncia, a equipe de investigação recebeu a informação de que o elemento estava se passando por policial militar, alegando que era do Distrito Federal. De acordo com o chefe dos investigadores da PJC em Tangará da Serra, Valmir Castrillon, o homem já possui passagem pela polícia, por ter sido preso em Guiratinga-MT no final do ano passado pelo mesmo crime, e por portar uma pistola calibre ponto 40, modelo 940, cuja utilização é restrita.


“Diante dessas informações, conseguimos levantar o endereço dele aqui em Tangará da Serra e na data de hoje, fizemos esse cumprimento de buscas em sua residência, no intuito de localizar essa possível arma de fogo que ele estaria usando novamente e esse documento que ele estaria fazendo uso indevidamente. Só que a gente não conseguiu localizar o documento que ele estaria portando, se passando por policial militar”, explicou Castrillon.


Embora não tenham encontrado a carteira falsificada, os investigadores apreenderam com o suspeito uma arma de fogo calibre 22 e 42 munições. Esta arma é de uso permitido. “Ele alega que é de um conhecido dele, que ele trouxe do município de Rio Branco na data de ontem e que teria trazido essa arma para Tangará da Serra, para fazer manutenção da mesma. Ele foi pego em posse dessa arma, sendo de uso permitido, porém ele não tem as documentações que a lei exige, então, por isso, foi preso por posse irregular de arma de fogo de uso permitido”, completou o investigador.


Os policiais apreenderam ainda um veículo Ônix, com placa de Guiratinga. O homem foi levado para a Delegacia de Polícia, para que fossem tomados os procedimentos cabíveis.



Notícias da editoria