Diário da Serra

Ciclista que se acidentou ao desviar de buraco não resiste aos ferimentos

Paulo César Desidério / Redação DS 22/08/2019 Polícia

Regina Martins foi atropelada por um caminhão ao desviar de um buraco na Avenida Nilo Torres, no dia 12 de agosto

Polícia

Na madrugada desta quinta-feira, 22, foi confirmada mais uma vítima fatal do trânsito de Tangará da Serra. Regina Martins, ciclista que foi atropelada por um caminhão ao desviar de um buraco na Avenida Nilo Torres, em acidente ocorrido na manhã de 12 de agosto, não resistiu aos ferimentos e faleceu.


Após ser diagnosticada com escoriações pelo corpo e traumatismo craniano, a mulher havia sido transferida da Unidade de Pronto-Atendimento (UPA 24 Horas) de Tangará da Serra para o pronto-socorro de Cuiabá. 


Na capital do estado, a vítima passou por procedimento de neurocirurgia e foi removida para o Pronto-Socorro. Chegou a ficar internada por 10 dias na UTI, mas veio a falecer. O corpo de Regina Martins foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Cuiabá e liberado para velório e sepultamento.



Notícias da editoria