Diário da Serra

Mais de R$3mi são negociados durante Mutirão Fiscal

Fabíola Tormes / Redação DS 02/09/2019 Geral

Cidadãos puderam negociar débitos com benefícios vantajosos

Mutirão foi realizado entre os dias 26 e 30 de agosto

R$ 3.274.263,16. Esse foi o total negociado no Mutirão Fiscal promovido pelo Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc) em parceria com a Prefeitura Municipal de Tangará da Serra e o Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae), por meio do Programa Especial de Recuperação Tributária (PERT) de Tangará da Serra.


No mutirão, realizado entre os dias 26 e 30 de agosto, os cidadãos puderam negociar débitos como o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), Imposto Sobre Serviço (ISS), autos de infração, contas de água e taxas municipais, com benefícios. Foram oferecidos descontos de até 100% nos juros e nas multas moratórias em pagamentos à vista e descontos de 40% a 90% em pagamentos até 60 vezes.


Nos dois primeiros dias, o mutirão fiscal registrou R$ 757.972,80. Na segunda, 26, os parcelamentos totalizaram R$ 397.371,23. No âmbito judicial, o valor passou de R$ 227 mil, enquanto no extrajudicial, bateu a casa dos R$ 169 mil. Já na terça-feira, 27, os parcelamentos alcançaram R$ 360.601,57. Na esfera judicial, o valor superou os R$ 150 mil negociados, sendo que na extrajudicial, chegou a R$ 207 mil.


Na quarta-feira, 28, os parcelamentos totalizaram R$ 522.445,59; ajuizados  R$ 86.432,26 e extrajudiciais ultrapassaram R$ 436mil. Na quinta, 29, foram R$ 688.119,66 de parcelamentos; ajuizados R$ 28.255,53; extrajudicial R$ 268.715,77; e à vista internet R$ 391.148,36. E, finalizando, na sexta-feira, 30, foram R$ 932.157,06 de parcelamentos; R$ 20.286,47 ajuizados; R$ 365.804,18 extrajudicial; e R$ 546.066,21 à vista internet, totalizando R$ 132.130,40 de negociações relativas ao Samae e R$ 3.142.132,76 de dívidas parceladas e internet.


Aos contribuintes em débito com o município, a Procuradora Geral do Município, Cristina Lucena Dias, afirma que o trabalho de negociação é contínuo, porém sem os benefícios oferecidos durante o mutirão.

Notícias da editoria