Diário da Serra

Saturnino Masson reivindica melhorias em estradas e regularização fundiária

Assessoria 04/09/2019 Política

Ele tomou posse na noite de terça-feira, na vaga do deputado Carlos Avallone, que se licenciou por 121 dias

Política

O deputado estadual Saturnino Masson (PSDB) usou a tribuna pela primeira vez nesta quarta-feira, 4, depois de assumir na véspera a vaga do deputado Carlos Avallone - que se licenciou por 121 dias, sem remuneração, para tratar de assuntos particulares. Masson reivindicou mais investimentos para a região de Tangará da Serra, onde obteve a maioria dos 13.434 votos recebidos na eleição passada e que lhe garantiram a suplência. “Vou dar continuidade ao trabalho que sempre fiz pelos municípios da região Médio Norte, principalmente em relação às estradas, melhorias na estrutura de saúde pública e nas escolas estaduais”, adiantou o deputado.

 

Saturnino lembrou que o governo já está trabalhando no trecho entre Jangada e Barra do Bugres. “Os serviços estão andando, mas precisamos urgentemente - antes das chuvas -, que o governo entre com afinco na MT-246 em Barra do Bugres, ligando a Denise e Arenápolis, especialmente num trecho onde o asfalto já desapareceu. E também seguindo com destino a Tangará, subindo a Serra dos Parecis onde há um trecho muito ruim. Esta é uma reivindicação antiga e agora ao lado do meu colega Dr. João (MDB) vamos reforçar a luta pela região que passa a ter dois deputados estaduais”, disse.


O deputado também reivindicou atenção do governo para a MT-243 entre Barra do Bugres e Porto Estrela e da MT-358, entre Tangará e Campo Novo dos Parecis. “Na região do Chapadão, há uma grande produção de grãos e mesmo que neste ano não seja possível o asfaltamento, a expectativa é que o governo faça um encascalhamento para garantir o tráfego e o escoamento da produção”, defendeu Saturnino.


Outra reivindicação do deputado diz respeito aos assentamentos de trabalhadores rurais, que precisam urgentemente da regularização fundiária. “A região situada entre Barra do Bugres, Nova Olímpia e Tangará da Serra abriga o maior assentamento da América Latina, o Antônio Conselheiro, com 33 mil hectares de terras e também o assentamento de Brasnorte, na Gleba Tibagi. Os pequenos produtores precisam ter seus documentos regularizados para trabalhar e pleitear recursos junto aos órgãos financeiros. O governo estadual está no caminho certo, economizou bastante no primeiro semestre e certamente terá condições de fazer estas melhorias para os trabalhadores rurais e a população”, destacou.


De volta ao Parlamento estadual, Saturnino também pretende aproveitar o exercício do mandato para trabalhar pelo fortalecimento da economia regional e a geração de novos empregos, criando condições para atrair novos empreendimentos para a região.


Histórico - Paulista de Tanabi, mas morador de Tangará da Serra desde 1970, o empresário Saturnino Masson entrou para a política seguindo os passos do pai, Ângelo Masson, que foi vereador em Barra do Bugres. Além de deputado estadual, Saturnino Masson já foi prefeito de Tangará da Serra duas vezes, vice-prefeito e suplente de deputado federal, tendo assumido uma cadeira na Câmara dos Deputados entre março e julho de 2008, em virtude do afastamento da então titular, deputada Thelma de Oliveira (PSDB).


Entre 2015 e 2018, como deputado estadual, apresentou 33 Projetos de Lei, dos quais 10 se tornaram leis. Tramitam hoje na Assembleia Legislativa dois Projetos de Lei de Saturnino Masson que estão prontos para serem votados. O PL nº 538/2017, que dispõe sobre a implantação de assistência social e de profissionais de Psicologia na rede pública de educação básica, e o PL nº 287/2018, que dispõe sobre a obrigatoriedade da informação de tipagem sanguínea e do fator de RH no momento da emissão de documento de identificação dos recém-nascidos.

Notícias da editoria