Diário da Serra

Secretaria de Segurança inicia processo para construção de Socioeducativo em Tangará

Fabíola Tormes / Redação DS 03/10/2019 Polícia

Os interessados deverão apresentar propostas no prazo de 15 dias úteis

Imagem ilustrativa do Centro Socioeducativo

A Secretaria de Estado de Segurança Pública de Mato Grosso (SESP) publicou no Diário Oficial desta quinta-feira, 3 de outubro, o Aviso de Dispensa de Licitação nº 001/2019/COOMAN/SESP, para contratação de empresa especializada para a construção dos Centros de Atendimento Socioeducativo (CASE) nos municípios de Rondonópolis, Barra do Garças, Tangará da Serra e Sinop. 


A publicação, o primeiro passo documental para construção do socioeducativo, foi comemorada pelo vereador Professor Sebastian (PSB), pois adiantou o cronograma para Tangará da Serra. “O que era para o ano que vem, já entrou esse ano”, celebrou o parlamentar, ao lembrar que em recente visita a Tangará da Serra a secretária Adjunta de Justiça de Mato Grosso, Lenice Silva dos Santos Barbosa, ratificou que o Governo do Estado construiria seis Centros de Atendimento para menores infratores, divididos em duas fases, todos no mesmo padrão, com 60 vagas cada.


Segundo a secretária, neste primeiro momento, porém, seriam construídas quatro unidades (Cuiabá, Barra do Garças, Rondonópolis e Sinop) e outras duas – Tangará da Serra e Cáceres – ficariam para março de 2020 e o trabalho concluído até 30 de dezembro de 2021. “A entrada do município nesta licitação se deve as tratativas do Governo do Estado com o Município, da mediação que fizemos enquanto agente político com o Governo do Estado, e do próprio interesse das autoridades do município na construção desse Socioeducativo em Tangará”, completou. “Os esforços foram somados”. 


PRAZO – De acordo com o edital assinado pelo secretário Adjunto de Segurança Pública, Carlos George de Carvalho Davim, os interessados deverão apresentar propostas no prazo de 15 dias úteis, devendo retirar o projeto básico, a que se refere a presente contratação, assim como demais informações quanto às condições de participação, na Coordenadoria de Obras e Manutenção da Secretaria de Estado de Segurança Pública. “O nosso desejo agora é que uma empresa tenha interesse nesse assunto, seja do município ou fora daqui (…) e desejar que isso aconteça num menor tempo possível para que o primeiro tijolo seja colocado o mais breve possível”.


A expectativa é que as obras desses quatro Centros de Atendimento sejam iniciadas em novembro próximo. Em Tangará o Case será construído em uma área as margens da MT 358, saída para Campo Novo.

Notícias da editoria