Diário da Serra

OS PRIMEIROS PASSOS DA EDUCAÇÃO: FAMÍLIA E ESCOLA

Jaqueline Soares Batista de Almeida 16/10/2019 Artigos

É fundamental que família e escola estejam engajados no processo de aprendizagem

Artigo de Jaqueline Soares Batista de Almeida

A educação faz parte do processo de desenvolvimento do homem, através dela é que são estabelecidos os conceitos adquiridos no decorrer da vida. Inicialmente, a educação é total responsabilidade dos pais, o ambiente familiar é onde a criança obtém os primeiros valores relacionados a educação. A construção desses valores permitirá que as mesmas tenham o discernimento de compreender a importância dos princípios educativos no decorrer da sua formação. Nesse sentido, Pienta (2014), enfatiza que a educação consiste em buscar de forma socializadora todos as formas necessárias para garantir possibilidades concretas, possibilitando o direito para que todos tenham acesso a educação.  Sendo necessário, o auxílio, da sociedade e do Estado e fundamentalmente das famílias.


Nessa perspectiva vale ressaltar que a educação é um processo que deve haver a participação conjunta de todos. Em relação a família Souza (2012, p.5), reforça a ideia dizendo que é na família:


 “[...] que se encontram os primeiros professores e ensinamentos, os quais refletirão e perdurarão por toda vida adulta, permitindo que seus membros se desenvolvam em todos os aspectos, de forma integral”. A comunicação entre pais e filhos, o diálogo, as vivências de atitude, de amor e respeito, os valores, as regras sociais são de suma importância para a formação da personalidade, do caráter, como também na aprendizagem, condição para o crescimento pessoal e profissional.


Esta afirmação reforça a importância da família no processo educativo e no desenvolvimento da criança, dando suporte no segundo grupo social no qual ela será inserida, à escola. A iniciação da vida escolar se dá nos primeiros anos de vida, e essa inserção é primordial, o ambiente escolar será onde a criança confrontará os conhecimentos que foram transmitidos pela família com os conhecimentos transmitidos pelos professores.


Assim, é fundamental que família e escola estejam engajados no processo de aprendizagem da criança, ideia essa defendida por Miguel e Braga (2009), no qual defendem que a união entre a família e escola resulta em melhores resultados, trazendo autonomia para agir em sociedade. A mesma ideia é defendida também por Marcolan, Frighetto e Santos (2013), que reforçam que a família é o primeiro grupo social que possibilita o desenvolvimento de uma criança, no qual se aprende sobre os princípios, os valores, respeito, cultura e ética, porém, a escola também desempenha um papel fundamental nesse processo, pois sendo o segundo grupo social onde é oferecido todos os conceitos educacionais, culturais e formativos, valores estes substanciais na formação da criança.
Portanto, é imprescindível a integração da família no meio escolar.

Professora Jaqueline Soares Batista de Almeida
Especialista em EJA e Educação Especial
Neuropsicopedagogia Clinica e institucional
Educação no Campo

Notícias da editoria