Diário da Serra

PARCERIA – Município propõe pavimentação da MT-339 até o Sepotuba

SERGIO R. / Enfoque Business 06/04/2021 Geral

Prefeito prepara o envio de uma propositura à Câmara Municipal

Ponte sobre o rio Sepotuba, em Nova Fernandópolis

Programada para ser pavimentada até o rio Tarumã neste ano de 2021, a rodovia MT-339 poderá ter as obras de pavimentação estendidas até a ponte sobre o rio Sepotuba, em Nova Fernandópolis. Foi o que afirmou o prefeito de Tangará da Serra, Vander Masson (PSDB).

A declaração do gestor ocorreu durante reunião nesta segunda-feira, 5, com representantes do projeto Agenda Cáceres, movimento que pleiteia junto às autoridades municipais, estaduais e federais a agilização das obras relacionadas ao sistema intermodal (rodovias/hidrovia) da macrorregião oeste-sudoeste de Mato Grosso. A informação também foi confirmada pelo gerente operacional da Associação de Produtores da MT-339, Edilson Sampaio, que coordena as obras de pavimentação da rodovia.

Segundo Masson, o município participaria, através de contrapartida financeira, da pavimentação de parte do trecho, que este ano inclui também o trajeto entre a localidade conhecida como Curva da Calcário, nas imediações do Assentamento Antônio Conselheiro, até o rio Tarumã. Este trecho está situado dentro dos limites do município de Tangará da Serra.

Assim, havendo aporte financeiro para execução das obras até o rio Tarumã, haveria saldo para a realização das obras até a ponte sobre o Sepotuba, em Nova Fernandópolis, já no município de Barra do Bugres.

Vander Masson destacou que a iniciativa do município é em razão do interesse pelas obras, que representaria ganhos em logística e consequente impulso econômico. Para tanto, o prefeito anunciou que prepara o envio de uma propositura à Câmara Municipal, com pedido de autorização legislativa e suplementação orçamentária.

O primeiro trecho da obra já está em execução, cobrindo uma extensão de 20 quilômetros até a Curva da Calcário. A próxima etapa compreende o trajeto até o rio Tarumã e, dali, até Nova Fernandópolis, no rio Sepotuba.
 

Notícias da editoria