Diário da Serra

COFINANCIAMENTO – UTIs Covid seguirão funcionando até janeiro no Hospital Municipal

Fabíola Tormes / Redação DS 09/11/2021 Saúde

Atualmente são 10 leitos de UTI para o tratamento da Covid-19

A taxa de ocupação na UTI pública é de 30%

A parceria entre União, Governo do Estado de Mato Grosso e Prefeitura de Tangará da Serra para contratação de 10 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para o tratamento da Covid-19 no município seguirá até janeiro. O contrato de cofinanciamento dos leitos no Hospital Municipal Arlete Daisy Cichetti de Brito foi renovado até 14 de janeiro de 2022.

Em setembro passado, a Secretaria Municipal de Saúde de Tangará da Serra informou o fechamento de 10, dos 20 leitos a partir de outubro, uma vez que a taxa de ocupação seguia baixa. A desativação aconteceu com os leitos exclusivos para tangaraenses.

“A demanda de pessoas diminui muito nos últimos meses, para a gente é um fator muito importante, mas sabemos que a doença não acabou. Precisamos ter estratégias para manter e numa necessidade, ter força técnica para reverter qualquer situação que seja necessária”, destacou a secretária Municipal de Saúde, Gicelly Zanatta,

em entrevista à Rádio Serra FM, ao falar da readequação dos contratos dos profissionais da saúde para atendimento ao Covid-19.

“Para se adequar as necessidades atuais, mas pensando que devemos estar preparados, caso surja uma necessidade”, completou.

Outra mudança, divulgada na semana passada, é quanto ao atendimento de pacientes com suspeita de contaminação pelo coronavírus. A recepção de pessoas que buscam a Unidade Respiratória Ambulatorial (URA) foi redirecionada e os pacientes são atendidos pela porta de entrada da UPA 24 Horas. No local foi aberto um novo consultório na UPA especificamente para atendimento de pacientes Covid-19.

Pandemia em números

De acordo com o boletim divulgado neste terça-feira, 9, a taxa de ocupação ainda segue baixa, com 10 leitos de UTI funcionando.

A taxa de ocupação na UTI pública é de 30%, sendo dois com pacientes de Tangará da Serra. Já a ocupação na UTI privada esta zerada. Na enfermaria pública a ocupação é de 10%.

Hoje a Taxa de Crescimento de Contaminação (TCC) segue em 4,7% (risco baixo), com somente 11 pessoas em isolamento - oito em casa e três internados. Nenhuma morte registrada.

Já o Estado voltou a registrar mortes por Covid-19 após dois dias seguidos sem nenhuma notificação. Foram seis mortes e 306 novos casos de coronavírus nas últimas 24 horas.

Segundo o boletim, desde o início da pandemia são 548.765 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 13.953 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Dos 548.765 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 1.187 estão em isolamento domiciliar e 533.086 estão recuperados.



Notícias da editoria