Diário da Serra

PCI TANGARÁ – Formado por 19 instituições, Comitê Gestor planeja ações

Sergio Roberto / Enfoque Business 26/05/2022 Geral

O PCI – Produzir, Conservar e Incluir – é um conjunto de ações

Grupo formado nesta semana

Foi oficializada nesta semana, em reunião no Sindicato Rural de Tangará da Serra, a composição do Comitê Gestor do PCI Tangará.

  • O grupo é formado pelas instituições:

    • Ipac, Sindicato Rural, Unemat, Sema-MT, Rotary Cidade Alta, LPCD, Sindalcool, Empaer, Associação dos Agrônomos, Semmea, Seapa, IPAM, Câmara Municipal, Anhanguera (Unic), Fazendas São Marcelo, Agropecuária Jacarezinho/MFG, SLC Agrícola, Marfrig e Indea.

O PCIProduzir, Conservar e Incluir – é um conjunto de ações definidas em 2015 na Convenção do Clima (COP 21) que alia produtividade com conservação ambiental e inclusão socioeconômica da agricultura familiar, resultando na redução das emissões e sequestro de carbono de 6 GTonCO2, mediante o controle do desmatamento e o desenvolvimento de uma economia de baixo carbono.

Na reunião houve apresentação da “Estratégia PCI Estadual” e, nesse contexto, a “Estratégia PCI Regional/IPAM”, com informações sobre o andamento do diagnóstico de Tangará da Serra decorrentes do Projeto REM-MT.

“Temos projetos acontecendo em todo o Estado desde 2015, financiados por organizações de cooperação internacional, empresas, setor privado, e trazemos a ideia em Tangará da Serra para criar o PCI Regional”,
disse o Engenheiro Agrônomo Fernando de Mesquita Sampaio, diretor executivo do Comitê Estadual da Estratégia PCI.

Com o comitê formado, as próximas ações serão a ampliação do número de instituições participantes.

“Vamos formular novos convites e, no decorrer da caminhada, conforme as coisas vão acontecendo, vamos convidando outros setores da sociedade”,
disse Jair Kotz,

escolhido como secretário executivo do comitê. Segundo ele, haverá ainda a formação de grupos temáticos e ações específicas para as metas do PCI Tangará da Serra.



Notícias da editoria