Diário da Serra

Unidades penais de MT recebem lavatórios feitos por reeducandos do Centro de Custódia da Capital

Nara Assis | Sesp-MT 07/10/2020 Geral

Esta é a segunda fase de produção das estruturas, que visam contribuir para higienização

Geral

Unidades penais de Mato Grosso começaram a receber lavatórios construídos por reeducandos do Centro de Custódia da Capital (CCC). Esta é a segunda fase de produção das estruturas, que visam contribuir para higienização, como medida de prevenção ao coronavírus. Serão entregues cerca de 20 lavatórios, contemplando estabelecimentos penais e órgãos ligados à segurança pública.


Na primeira fase, iniciada em abril, foram beneficiadas 15 unidades penais da Baixada Cuiabana e oito instituições que integram a Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT). A fabricação dos lavatórios é resultado de uma parceria entre a Adjunta de Administração Penitenciária (SAAP), Ordem dos Advogados do Brasil - seccional Mato Grosso (OAB/MT), Conselho da Comunidade da Vara de Execução Penal (Concep), e Instituto Federal de Mato Grosso (IFMT).
 

Atualmente, três reeducandos do CCC trabalham no projeto, cujo molde possui pia, porta sabonete líquido e porta papel toalha. “Eles se dedicaram e aprenderam a montar e estruturar os equipamentos, com base no projeto de um professor do IFMT, trabalham com a intenção de contribuir com o próximo. O auxílio dos parceiros é fundamental”, avalia o diretor da unidade penal, Ewerton Santana Gonçalves.
 

Até o momento, já foram entregues 40 deles, para a as seguintes unidades: SAAP, Gabinete da Secretaria Adjunta de Justiça, Penitenciária Feminina Ana Maria do Couto May, Penitenciária Central do Estado (PCE), Complexo Pomeri, Lar Menina Moça, Centro de Ressocialização de Cuiabá (CRC), Cadeia Pública de Nobres, Cadeia Pública de Nova Mutum, Centro de Detenção Provisória (CDP) de Lucas do Rio Verde, Centro de Atendimento Socioeducativo (Case) de Lucas do Rio Verde, Complexo Penitenciário Ahmenon Lemos Dantas, Escola Penitenciária, Cadeia Pública de Santo Antônio de Leverger, e Cadeia Pública de Chapada dos Guimarães.
 

Além disso, também foram doados lavatórios para a Associação de Amigos da Criança com Câncer (AACC), Abrigo Bom Jesus de Cuiabá.

Notícias da editoria