Diário da Serra

Início tranquilo de votação em Tangará da Serra, sem filas longas e aglomerações

Fabíola Tormes / Redação DS 15/11/2020 Política

Eleitores usam máscaras e precisam passar álcool em gel antes de entrar na seção

Política

A votação começou bem tranquila em Tangará da Serra, neste domingo, dia 15 de novembro. Os eleitores deverão ir as urnas até às 17h para escolher os próximos representantes municipais no Executivo e Legislativo, assim como um novo representante no Senado. 


No Centro Municipal de Ensino Tânia Arantes Junqueira – que neste ano acolheu os eleitores da Escola Airton Senna – poucos eleitores se arriscaram a ir cedo para votar. 


Entre esses eleitores estava Marcelo Gonçalves do Santos que aproveitou esse horário diferenciado das eleições deste ano. “Acordo todo dia muito cedo para trabalhar e hoje aproveitei para votar logo na primeira hora”, disse o empilhador, que logo após votar, foi trabalhar.


Assim como ele, a dona de casa França Lima de Aguiar aguardou os portões da escola abrirem às 7h para votar. “Sempre venho bem cedinho votar. Gosto desse horário”, contou, ao destacar a segurança para votação. “Tomando os cuidados, não há problema”.


As poucas pessoas que aguardavam estavam de máscara e, nas pequenas filas, respeitaram o distanciamento obrigatório. Quem entra na unidade precisa passar álcool em gel nas mãos, como forma de se proteger da Covid-19.


Eleições 2020


Em Tangará da Serra são candidatos a prefeitura Chico Clemente (PSD), Claudinho Frare (Republicanos), Jean Piccoli (PSC), Vander Masson (PSDB) e Wesley Torres (MDB), e quase 200 candidatos ao cargo de vereador.


O eleitor deverá votar primeiro para vereador, em seguida prefeito e por fim, senador.


A votação segue até às 17h.


Neste ano, os itens imprescindíveis para votar são um documento oficial com foto e a máscara. A Justiça Eleitoral recomenda ainda que, se possível, o eleitor leve sua própria caneta para assinar o caderno de votação, de modo a evitar o compartilhamento de objetos e a disseminação do novo coronavírus.



Notícias da editoria