Diário da Serra

RODÍZIO – Tangará da Serra terá racionamento de água a partir desta quinta

Fabíola Tormes / Redação DS 18/11/2020 Geral

O abastecimento de água será em dias alternados e setorizado

Abastecimento será por setores

Mais uma vez o município de Tangará da Serra passará por racionamento de água. A decisão, como medida preventiva, está sendo repassada a população em comunicado nas redes sociais.


De acordo com o diretor do Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae), Marcel Berteges, com base no Decreto nº 339, de 6 de agosto de 2020, e diante do prolongamento do período de estiagem, o Samae passará a abastecer a cidade em forma de rodízio.


As ações do Plano Estratégico Racional de Distribuição de Água tratada no período de seca iniciam nesta quinta-feira, dia 19, com alternância da distribuição nas regiões abastecidas pela Estação de Tratamento de Água (ETA) Queima Pé.


“Em virtude do grande período de estiagem que estamos vivendo, e a retomada das chuvas agora neste mês de novembro ainda não ter sido efetiva, para garantir e preservar os recursos hídricos ainda existentes na estruturação das represas do Samae se faz necessário por prevenção reduzirmos a estruturação de tratamento e iniciarmos a alternância em Tangará da Serra a partir do dia 19”, informou Berteges.


Assim, a partir desta quinta-feira, a cidade passará a ser abastecida por setores e em dias alternados, com um rodízio de distribuição de água que varia conforme a setorização estabelecida pelo Samae (ver quadro anexo). “Dividimos a cidade em dois setores e será [o abastecimento] por alternância. Dias ímpares o setor um e dia par o setor dois”, completou, ao pedir a população que faça a reservação e o uso racional da água neste período.


“Contamos com a colaboração de todos para que nesse momento crítico, possamos usar o recurso dado por Deus com serenidade, consciência e na medida da consolidação das chuvas, esperando que com a graça de Deus ela seja rápida, retomaremos o abastecimento de forma normal”.


E alertam: “Desperdícios de água tratada poderão gerar multa em todos os bairros da cidade, inclusive abastecidas por poços”.



Notícias da editoria