Diário da Serra

AS CONDUTAS DOS CONSUMIDORES NO TURISMO: TIPOS E PROCESSOS DE TOMADA DE DECISÕES NAS COMPRAS

Sidney Tapajós 14/12/2020 Artigos

Turistas tomam decisões sobre consumo de produtos e serviços turísticos

Artigos

Atualmente, o desenvolvimento de consumidores e ferramentas pode não apenas encurtar a distância, mas também acelerar o processo e encurtar a distância entre países, continentes e pessoas. Em uma sociedade em rápida transformação, o surgimento de novos produtos e serviços no contexto das relações de consumo não é privilégio apenas dos cidadãos brasileiros.


Considerando que o turismo é um dos campos em desenvolvimento, especialmente considerando o aumento contínuo de turistas no mundo todo, a reflexão sobre a proteção dos consumidores turistas e visitantes faz-se inevitável.


A estrutura deste artigo visa considerar alguns aspectos relacionados a conduta do consumidor no setor turístico, especialmente os tipos de turistas e os processos que eles desencadeiam nas decisões de compras relacionadas ao setor.


Para atingir esses objetivos, é necessário compreender como os turistas tomam decisões na escolha de produtos e serviços turísticos. Com base na compreensão de seus padrões de comportamento, podem ser planejados para atender plenamente às necessidades e desejos específicos, para compreender melhor a sua relação.


Os turistas podem ser caracterizados de diferentes maneiras, representando diferentes tipos, como sabemos, o termo "turista" é usado há mais de dois séculos, mas só recentemente se tornou popular.


Existe também o termo “viajante”, que até recentemente era considerado sinônimo de turista. No entanto, atualmente, esses termos se referem a diferentes situações.


Para Horner e Swarbrooke, 1996, p.125. Existe a idéia de que um turista é alguém que compra um pacote de uma operadora de viagens, enquanto o viajante é a pessoa que faz os seus próprios programas independentes para a sua viagem.


Pelo entendimento deste artigo, o turismo pode se desenvolver de forma mais consistente, abrangendo vários os segmentos, pois o turismo tem a capacidade de integrar pessoas, gerar renda, reduzir as desigualdades, promover e proteger o ambiente cultural da comunidade.


Portanto, tomar uma decisão de compra, é necessário organizar e avaliar criteriosamente os produtos e serviços prestados no mercado turístico, destacando alguns pontos como: renda disponível; questões de saúde; compromissos profissionais/familiares; características de experiências passadas; estilo de vida/atitudes e opiniões dos turistas e viajantes.


Segundo Carvalho e Costa (2005), a pesquisa da Vox Populi para a Embratur aponta os principais motivos de os turistas terem optado pelo Brasil, quando de seu processo de decisão: Praias: 31%; Clima tropical: 20%; Belezas naturais: 16% e Povo brasileiro: 8%. O turista, após consumir os produtos e serviços turísticos fará a avaliação do desempenho dos mesmos.


Assim sendo, o processo de decisão da compra baseia-se no entendimento das necessidades, busca de informações, avaliação de alternativas, decisões na compra, consumo e avaliação pós-compra é essencial para entender como os turistas tomam decisões sobre consumo de produtos e serviços turísticos.

Sidney Tapajós - Turismólogo e Pedagogo. Instagram: turismo100Subjetivismo/tapajós.sidney@gmail.com; (65) 9 9802-6526

Notícias da editoria