Diário da Serra

TANGARÁ DA SERRA – Unidades de Saúde voltam a atender pacientes com sintomas de Covid em horário exclusivo

Fabíola Tormes / Redação DS 15/12/2020 Saúde

Das 7h às 11h o atendimento será exclusivo para pacientes suspeitos

A mudança foi necessária diante do aumento expressivo de casos suspeitos e confirmados no Município

A partir desta quarta-feira, dia 16, as Unidades Básicas de Saúde de Tangará da Serra voltam a atender pacientes com sintomas do coronavírus em horário exclusivo. Todos os dias, das 7h às 11h, o atendimento será exclusivo para pacientes sintomáticos respiratórios e com suspeita de Covid-19. Os demais atendimentos de urgência/emergências serão realizados no período da tarde, das 13h às 17h.


De acordo com a secretária Municipal de Saúde, Dienifer Feix, o retorno do atendimento aos pacientes suspeitos em todo o período da manhã foi necessário diante do aumento expressivo de casos suspeitos e confirmados no Município. “Nesse momento, infelizmente, estamos tendo uma subida do pico novamente, Tangará está vivendo a segunda onda do Covid. Estamos tendo muito procura na URA, que tem passado mais de 100 pessoas por dia buscando atendimento com sintomas respiratórios. Então decidimos voltar os atendimentos para as unidades das 7h às 11h”, explica.


“Você que tiver qualquer sintoma respiratório, diarreia ou qualquer coisa diferente da sua rotina, procure uma unidade de saúde das 7 às 11 horas da manhã para atendimento”, orienta, ao destacar que a URA continua com atendimento 24 horas por dia. “Mas quem pode ir a unidade de saúde na parte da manhã, procure sua unidade”.


No período da tarde, reforça a secretária, as unidades seguirão com os atendimentos dos programas prioritários, como gestantes, crianças, pacientes hipertensos e urgências. “Então quero pedir a você, cidadão tangaraense, que não é o momento de fazer check-up, não é momento de fazer exame de rotina. Esse momento é de deixarmos esse atendimento, do período da tarde das unidades, para quem realmente precisa: as urgências e programas prioritários. Esperamos a conscientização da população”.


DADOS LOCAIS - De acordo com o Boletim Epidemiológico de segunda-feira, 14, há 90 pessoas em isolamento domiciliar, nove internadas em enfermaria e outros 12 na UTI. Além disso, há três casos ainda em investigação internados em enfermaria.


Desde o início da pandemia, Tangará acumula 6.603 casos confirmados, 6.405 curados (97%) e 87 óbitos.



Notícias da editoria