Diário da Serra

Aulas nas escolas municipais começam dia 1º de fevereiro e serão online ou com uso de apostilas

Alexandre Rolim / Assessoria de Comunicação 19/01/2021 Educação

Previsão de aulas presencias só para o segundo semestre

Educação

Foi anunciado no final da tarde desta segunda-feira, 18, em coletiva de imprensa, o retorno às aulas na rede municipal de ensino de Tangará da Serra no dia 1º de fevereiro, na modalidade online ou com o uso de apostilas, como já vinha sendo aplicado desde o início da pandemia. O anúncio foi feito pelo secretário municipal de Educação, Professor Vagner Constantino Guimarães, e pelo prefeito Vander Masson. Na entrevista, o secretário ainda falou sobre transporte escolar, matrículas, contratação de profissionais, reformas de estruturas e a escolha de diretores e coordenadores.


De acordo com o secretário, as aulas para os cerca de 13 mil e 800 alunos, que frequentam os centros municipais de ensino desde a educação infantil até o 9º ano do ensino fundamental, por enquanto, não serão presenciais em razão da necessidade de garantir segurança aos estudantes, especialmente neste período em que houve um crescimento acentuado no número de casos de Coronavírus em Tangará da Serra.
 

O secretário explicou que antes de começar o calendário escolar de 2021 nos 37 centros municipais de ensino, os mais de 520 professores e outros 460 profissionais da educação terão que aplicar o conteúdo remanescente, que compreende a 76 horas-aula referentes ao ano letivo de 2020, defasado em razão da pandemia do Covid-19.
 

Metodologia híbrida
 

O ensino híbrido, que mescla aulas online e presenciais, intercalando conteúdos que se complementam, deverá ser adotado no Município somente a partir do momento em que houver segurança para os estudantes, profissionais da educação e comunidade em geral. De acordo com o secretário, isso poderá ocorrer a partir da segunda quinzena de março, todavia, a decisão será tomada após consulta ao Comitê Interinstitucional de Controle e Monitoramento ao Coronavírus.
 

Aulas presenciais
 

O secretário de Educação explicou ainda que, a depender da situação da pandemia do coronavírus, o tão aguardado retorno às aulas presenciais na rede municipal de ensino de Tangará da Serra, poderá ocorrer a partir da segunda metade do mês de junho de 2021. “Mas tudo isso dependerá da situação da pandemia”, disse o secretário.
 

Matrículas
 

As matrículas nas escolas municipais, que começaram no dia 13 de janeiro, seguem abertas, com vagas disponíveis. A previsão, segundo o secretário de Educação, é de que entre 90 e 95% dos alunos sejam matriculados até esta quinta-feira, dia 21.

Notícias da editoria