Diário da Serra

METAS DA GESTÃO – Secultur trabalhará para promover o turismo em Tangará da Serra

Fabíola Tormes / Redação DS 18/01/2021 Cultura

Na Cultura serão buscadas ações para estimular a expressão cultural

Secretário Welington Machado Rondon

O Município de Tangará da Serra é privilegiado com beleza natural surpreendente, desde parques urbanos como o Parque Natural Ilto Ferreira Coutinho, além de inúmeros pontos turísticos para prática da pesca desportiva, esportes radicais e lazer.


Entre esses locais de belezas exuberantes podemos destacar a Estância Amazonas, com a maior praia de rio de Tangará da Serra; a famosa Cachoeira Salto das Nuvens, com toda sua infraestrutura e beleza; entre muitas outras atrações, como a Casa de Rondon, construída por volta do ano de 1906 para ser uma das bases telegráficas da Comissão Rondon. Este marco histórico localiza-se hoje junto ao Assentamento Antonio Conselheiro e faz parte da história de Tangará da Serra.


Assim, buscando promover esta atividade econômica em ascensão, a Secretaria Municipal de Cultura e Turismo de Tangará da Serra (Secultur) está se estruturando. “Estamos nos organizando para integrar o município nas ações de divulgação do potencial turístico do estado”, explica o secretário Welington Machado Rondon, ao afirmar que junto a isso irão melhorar a acessibilidade nos pontos turísticos do Município com sinalização e estradas adequadas ao tráfego turístico e promover parcerias com as entidades públicas e privadas para a realização de eventos turísticos no município, a capacitação do segmento turístico, entre outros.


Já na área da Cultura serão buscadas ações para estimular a expressão cultural, respeitando as diferentes formas de arte; o apoio a realização das festas tradicionais do Município; e a preservação do patrimônio cultural material e imaterial do Município.


“Estamos também nos organizando para a contratação dos oficineiros, através do seletivo, para voltar com as atividades do Centro Cultural após a pandemia. Além disso, iremos incentivar a criação de novos pontos de cultura e a valorização dos artistas locais”.

Notícias da editoria