BUSCA DE NOTÍCIAS:
  Tangará da Serra, 29 de junho de 2017.  
Tangará da Serra - MT


Em 04/03/2017
Pedro Alberto Tayano, 20 anos vividos com muita intensidade


“Meu filho viveu tudo que tinha que viver, apesar do pouco tempo”, diz mãe saudosa


“Para mim valeu a pena, e agradeço a Deus  por ter me dado ele durante vinte anos. Porque tem muitas pessoas que vivem até os 80, 90 anos e não deixa nada e nem planta nada e ele deixou”, assim foi definido Pedro Alberto Tayano  Filho pela mãe, Idalina Tayano.
Nascido aos 28 dias do mês de maio,  teve uma vida rápida, mas imensamente intensa.
Nasceu em Dracena- São Paulo,  e aos três anos de idade mudou-se para Tangará da Serra com a família para juntar-se ao pai que possuía negócios aqui no Distrito de Progresso, onde vendia terrenos e contribuiu de forma expressiva com o crescimento do local.
Foi um jovem atuante e se destacava e sobressaía onde quer que chegasse. A casa onde residia com os pais  estava sempre cheia de amigo,  e tornou-se o ponto de encontro, onde estudos, reuniões, decisões e festas eram realizadas. “O Pedrinho era muito feliz. Vivia cercado de amigos, tamanha era sua alegria. Nossa casa era muito movimentada pois os amigos dele acabaram se tornando os meus também. Ele gostava muito de fazer festas e nossa casa lá no Progresso vivia cheia. Gostava muito de assustar as pessoas com brincadeiras. Não tinha tristeza na vida dele”, lembra a mãe saudosa.
Formou-se em Magistério e atuava na área, e estava prestes a concluir a segunda graduação,  pela Universidade de Mato Grosso (Unemat), onde cursava Administração, além de ter sido estagiário,  prestando serviços no Banco do Brasil.
“Ele gostava muito de dançar. Gostava de  teatro e quadrilha. Puxou um pouco do pai que era um palhaço, acabou por ser também. Meu filho era absurdamente feliz”, comenta a mãe sorrindo ao lembrar, salientando que devido  acompanhar o pai nas festas acabou por herdar o entusiasmo e deu seguimento após a sua morte em 1981.
Pedro partiu 11 anos após o pai. “Ele era o mais velho,  muito carismático, era líder e meu protetor porque o pai havia falecido, e tomou seu lugar, em ser o protetor da casa. Cuidava de mim e da irmã”, reforça.
À época de sua partida, os médicos não souberam diagnosticar com exatidão o motivo, mas foram levantadas suspeitas sobre uma medicação que estava utilizando para emagrecer. “Ele partiu no dia 21 de setembro com 20 anos. Acordou um dia e não conseguia andar. Levamos para o hospital, onde os médicos o atenderam, ficou em observação e às 11 horas da noite resolvemos levá-lo para Cuiabá. Quando chegamos próximos a Barra do Bugres, ele pediu para pararmos e desceu um pouco cambaleante, mas deduzimos que estava melhor. Como a Lucrécia da Skol estava comigo e  tinha um filho médico ali, dono do hospital, resolvemos parar  no hospital e ele faleceu ali na cama. Não deu tempo de levar para Cuiabá, e voltamos dali”, recorda.

A homenagem

Seu falecimento causou grande comoção na cidade, uma vez que foi precoce. Os amigos e familiares foram tomados de súbito por uma notícia triste e totalmente inesperada. Por sua alegria e contribuição com a cidade, Pedro foi homenageado e hoje, o Centro Cultural de Tangará da Serra leva seu nome, e expressa a vida de Pedro, que amava as artes, fossem quais fossem.
Além desta homenagem, foi lembrado pelos amigos de turma com a qual se formaria e foi eternizado na galeria da Universidade.
Apesar de uma passagem breve por aqui, foi intenso. Amou, brincou, sorriu e chorou, mas seu maior legado foi o rastro de saudade que deixou.
“Meu filho viveu tudo que tinha que viver, apesar do pouco tempo”.

>> Rosi Oliveira - Especial DS




Compartilhe:


notícias da editoria
24/06/2017 - Dona geralda: entretantos, a esperança
Geralda Serafim
10/06/2017 - José Luiz de Souza, o servo vencedor de distâncias
José Luiz de Souza
03/06/2017 - Idalina Sueza Tayano, exemplo de vivacidade
Natural de São Paulo, Idalina Tayano mora em Tangará da Serra há 40 anos
12/05/2017 - Maria José de Matos: Uma portuguesa dura de coração mole
Maria Matos e seu filho João
29/04/2017 - Maria José Freire Duarte - Guerreira que adotou Tangará como mãe
Maria José e a filha Cristiane Freire Duarte
08/03/2017 - Francisco Bernardo do NascimentoCearence, lavrador e líder comunitário
Francisco Bernardo do Nascimento, conhecido como Franco, natural de Porteira, Ceará. Nasceu em 28 de novembro de 1943. É o segundo filho do casal Bernardo e Lourdes. Ajudou os pais a trabalhar para sustentar os dez irmãos e alguns primos que sempre vivera
04/03/2017 - Pedro Alberto Tayano, 20 anos vividos com muita intensidade
“Meu filho viveu tudo que tinha que viver, apesar do pouco tempo”, diz mãe saudosa
18/02/2017 - Dionísio Pantaleão Pacheco do êxodo à terra prometida
O casal trouxe cinco filhos e aqui tiveram mais seis filhos
04/02/2017 - Carlos Tayano, aquele que fez um sonho virar realidade
Carlos Tayano e Netos
04/02/2017 - Palmira Moreschi Tayano, sua maior elegância era fazer o bem
Aniversario de seu filho Pedro Alberto em 1971
 
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
28/06/2017 - GERAL
Votação da RGA acontecerá hoje

28/06/2017 - GERAL
Distribuidora de Peças Rondonópolis abre filial em Tangará da Serra

28/06/2017 - GERAL
Assembleia de Deus se prepara para ‘Simpósio e Feira de Missões’

28/06/2017 - GERAL
Vereadores sustam decreto do Executivo municipal

28/06/2017 - GERAL
TCE aprova contas da Câmara, mas faz recomendações

28/06/2017 - SAÚDE
Tangará recebe cinco profissionais

28/06/2017 - SAÚDE
Município oferece doses limitadas para vacinação contra H1N1

28/06/2017 - SAÚDE
Secretário rebate vereador e explica distribuição de remédios

28/06/2017 - ESPORTES
Campeonato Mato-grossense 2ª divisão terá cinco clubes

28/06/2017 - ESPORTES
C&L é líder na classificação geral da competição

28/06/2017 - ESPORTES
Tangará conquista 18 medalhas em Campeonato Estadual

28/06/2017 - POLÍCIA
Bandidos arrombam 3 caixas eletrônicos e cofre de agência

28/06/2017 - POLÍCIA
Mulher e adolescente são detidos após roubo e cárcere de homem

28/06/2017 - POLÍCIA
Delegacia instaura inquérito para apurar tortura a menor em escola

28/06/2017 - POLÍCIA
Polícia Civil reabre inscrições pra concurso de delegado em MT

27/06/2017 - GERAL
Prefeito envia projeto que concede 6,28% de RGA aos servidores

Jornal Diário da Serra - Todos os direitos reservados - O primeiro jornal on-line do estado de Mato Grosso