BUSCA DE NOTÍCIAS:
  Tangará da Serra, 18 de outubro de 2017.  
Tangará da Serra - MT


Em 12/04/2017
“Precisamos de uma sociedade com um novo pensamento”, diz promotor


O evento reuniu especialistas regionais e nacionais na área de combate aos crimes contra a ordem e erário públicos


O combate à corrupção foi o tema em destaque no primeiro dia de palestras da Parecis SuperAgro – feira de agrotecnologia que acontece no Parque “Odenir Ortolan”, em Campo Novo do Parecis até esta quarta-feira, 12.
O evento reuniu especialistas regionais e nacionais na área de combate aos crimes contra a ordem e erário públicos, durante o painel “Justiça Contra a Corrupção”. De acordo com o promotor de Justiça Fabio Galindo, que é ex-secretário de Segurança do Estado e atualmente ocupa o cargo de subcorregedor Nacional do Ministério Público, em Brasília, o sistema brasileiro penal não está ajustado para o combate à corrupção de maneira adequada e eficiente. “Sinto-me frustrado. Eu começo uma operação, ofereço denúncia e o resultado final de condenação e devolução ao estado é pífio. Quase zero. Contudo, vale ressaltar que a Operação Lava Jato é marcante pelo momento histórico em que ela acontece, pois conseguiu traduzir toda essa insatisfação social com a corrupção. Precisamos criar uma sociedade com um novo pensamento para que se construa uma nova sociedade e tempo”, ressaltou.
Conforme explicou o procurador da República, Douglas Fischer, ex-coordenador da Operação Lava Jato, os nossos sistemas não são transparentes – inclusive, o país figura em 76º lugar no ranking de transparência mundial. “Precisamos modificar isso. Da mesma forma, precisamos mudar a visão que o brasileiro tem em relação à ’vantagem’. A corrupção atinge todos os segmentos da sociedade. Atinge também os produtores rurais. Precisamos de melhorias legislativas, pois elas serão fundamentais para irmos atrás desses crimes e combatê-los”, ponderou Fischer.
Durante o painel, o procurador-geral do Estado de Mato Grosso, Rogério Gallo, destacou que é preciso estar sempre vigilante, tendo em vista que episódios de corrupção vão continuar ocorrendo no país.  “A Procuradoria Geral do Estado – bem como os demais órgãos –  servem como um front de batalha para evitar que novos casos aconteçam”, enfatizou Gallo.
Já o subprocurador-Geral Fiscal do Estado de Mato Grosso, Leonardo Vieira de Souza, ressaltou que “antes ninguém enxergava a luz no fim do túnel, mas bastou vir pessoas de coragem para mudar a realidade – que, por sua vez, foram impulsionadas pela própria sociedade”.
WILLIAM WAACK – No período da manhã, o jornalista William Waack  também falou sobre corrupção durante sua palestra que fala sobre “Cenários Econômicos e Políticos: Onde Estamos e Para Onde Vamos?”.
Ele disse que é preciso desfazer um nó-político. “Quando falamos que tudo no país depende da decisão política, estamos falando da resposta política para questões sociais e econômicas muito sérias. Contudo, precisamos desfazer um nó-político, que envolve a necessidade de se ter líderes e de descrédito por conta da corrupção”. William destacou que a operação Lava Jato impôs transformações ao sistema político brasileiro.

>> Assessoria




Compartilhe:


notícias da editoria
15/09/2017 - “Tenho pressa que as coisas se esclareçam”, desabafa Ramos
Em Tangará da Serra a PF cumpriu mandado na residência do deputado
14/09/2017 - Grampeado com Romoaldo, Wagner o defende

14/09/2017 - Saturnino entrega título de cidadão mato-grossense nesta sexta
São 31 personalidades homenageadas, que contribuíram para o desenvolvimento e o crescimento socioeconômico
14/09/2017 - Carlinho cobra de Rogério Silva recursos para obras do Parque Figueira
As obras foram paralisadas em 2012 por falta de repasses do Governo Federal
16/08/2017 - Zedeca cobra ações de prevenção de acidentes em São Joaquim

16/08/2017 - “Momento exige que esqueçamos as cores partidárias”, afirma Quintão
“(...) o compromisso de todos aqueles que estão no mandato deve ser com a cidade”, reflete Quintão
16/08/2017 - Legislativo aprova 780 mil para a Saúde; parte será para Medidas Judiciais
“Precisa ter gestão”, diz vereador Fábio Brito
09/08/2017 - Maioria dos vereadores é contrária
Abertura de CP foi rejeitada por 8 a 5
28/07/2017 - Em reunião com Michel Temer, Rogério cobra ações pela região sudoeste
Parlamentar participou de reunião com presidente da República na última quarta-feira
14/07/2017 - Vereadores discutem com comerciários medidas para geração de empregos
Os vereadores garantiram que estão abertos ao diálogo e dispostos até mesmo a aprovar mudanças na legislação
 
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
18/10/2017 - GERAL
Caravana da Transformação segue hoje com cirurgias oftalmológicas

18/10/2017 - EDUCAÇAO
Educação paralisa atividades a partir de hoje em Tangará

18/10/2017 - GERAL
PGE Itinerante agiliza tramitação de processos e renegocia dívidas

18/10/2017 - GERAL
Prefeito, secretário e empresa têm bens bloqueados pela Justiça

18/10/2017 - GERAL
Em primeira discussão, Câmara aprova Semana Municipal do Trânsito

18/10/2017 - EDUCAÇAO
Câmara realiza hoje homenagem a professores

18/10/2017 - EDUCAÇAO
Pela primeira vez, Sillmat oferecerá interpretação em Libras para surdos

18/10/2017 - GERAL
Tangará está entre municípios selecionados em pesquisa

18/10/2017 - GERAL
267 famílias de Tangará da Serra receberão o cartão Pró-família

18/10/2017 - ESPORTES
Duda de Barra do Bugres é campeã de Kickboxing

18/10/2017 - ESPORTES
Detalhes do Estadual 2018 serão debatidos hoje

18/10/2017 - ESPORTES
Real Tangará desenvolve projeto por aquisição de bolas

18/10/2017 - POLÍCIA
Família faz ato para lembrar aniversário e cobrar agilidade

18/10/2017 - POLÍCIA
Detento de Aripuanã solta algemas, perfura o teto de viatura e foge

18/10/2017 - POLÍCIA
PM prende mais quatro foragidos acusados de tráfico internacional

16/10/2017 - GERAL
Caravana da Transformação começa amanhã em Tangará da Serra

Jornal Diário da Serra - Todos os direitos reservados - O primeiro jornal on-line do estado de Mato Grosso