Diário da Serra

Luverdense libera Maico Gaúcho e anuncia zagueiro do acesso para técnico em 2020

Olhar Esportivo 14/11/2019 Esportes

Zé Roberto marcou história com duas passagens como jogador do Verdão

Esportes

O Luverdense Esporte Clube começou a mostrar as caras para a temporada do ano que vem, onde terá o Campeonato Mato-grossense, a Copa Verde, a Copa do Brasil e a Série D do Campeonato Brasileiro para disputar, já que foi rebaixado na Série C 2019.

 

O presidente Helmute Lawisch, que terá que entregar o cargo no término deste ano e seguirá na colaboração com o Luverdense como Diretor Executivo de Futebol, anunciou o ex-zagueiro Zé Roberto, 38 anos, como técnico para a temporada 2020. Como jogador, ele fez 250 jogos, conquistou dois títulos estaduais, além do acesso para a Série B pelo Verdão do Norte. Também foi capitão da campanha pela Copa do Brasil em 2013, melhor campanha da história mato-grossense, onde o time chegou às oitavas de final contra o Corinthians(SP). Após a sua despedida do Luverdense em 2015, ele ainda jogou por Paraná(PR) e Veranópolis(RS).

 

“O nosso capitão Zé Roberto será o treinador para a próxima temporada, estamos buscando algumas mudanças, entramos em um acordo com o Maico, mais alguns da comissão técnica, sangue novo na parada, para o próximo ano o Luverdense terá um novo presidente. Eu encerro minhas atividades agora no final do ano e vou assumir a função de Diretor Executivo de futebol, o futebol será comigo, vou continuar dando a minha contribuição com o Luverdense e esperamos fazer uma boa temporada”, disse o atual presidente Helmute Lawisch.

 

De acordo com o presidente, a ordem é custo benefício para a nova temporada do Luverdense, porém, a dedicação no trabalho será em prol de continuar levando o time em boas apresentações no cenário nacional. Recentemente, de 2014 a 2017, o Luverdense disputou a Série B do Campeonato Brasileiro.

 

“Vamos trabalhar, a ordem é custo benefício, contratar e pagar o que o Luverdense pode pelo mínimo possível e jogar bastante, essa é a moral da história. Tentar fazer um bom time de futebol novamente, não é fácil, se fosse fácil, tudo que era tombo fazia futebol. Vamos continuar empenhado para o Luverdense velho continuar fazendo umas graças no cenário nacional”, completou Lawisch.

 

No dia 30 de novembro, haverá a assembleia para a escolha do novo presidente para os próximos anos. A expectativa é que Jaime Biensfield, atual vice-presidente, encabeçará chapa única.

 

O Luverdense estreia no dia 21 de janeiro no Campeonato Mato-grossense, em jogo contra o Dom Bosco marcado para às 20h10, no estádio Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde.

Notícias da editoria