Diário da Serra

Jean Patrick não segue no Cuiabá em 2020

Pedro Lima / Olhar Esportivo 03/12/2019 Esportes

Jean Patrick foi um dos vices artilheiros do Dourado na Série B

Volante foi promovido à camisa 10 na reta final

Uma das peças mais insinuantes do Cuiabá na temporada 2019 não continuará no clube para o ano de 2020. O volante Jean Patrick chegou como contratação pontual para a Série B e ajudou o clube na boa campanha como debutante, além do título da Copa Verde.


Vindo do Grêmio Novorizontino após o Campeonato Paulista neste ano, Jean Patrick foi um dos vices artilheiros do Dourado na Série B, com 25 jogos e cinco gols marcados, ao lado do atacante Felipe Marques. Eles ficaram atrás apenas do atacante Júnior Todinho, que fez seis gols na competição. Pela Copa Verde, Jean Patrick fez quatro jogos e marcou um gol importante na semifinal, na vitória por 2 a 1 contra o Goiás na Arena Pantanal.


“A diretoria teve o interesse para eu permanecer. Mas pelo contrato que eu fiz, precisava de uma projeção maior, pelo campeonato que a gente fez. Se fosse no Cuiabá teria que renovar um ano, me emprestavam para o Paulista e eu voltaria. Mas acabei recebendo propostas da Série A, do exterior, financeiramente melhor do que hoje. Resolvi seguir meu caminho, se caso em um futuro próximo, quem sabe eu possa voltar. Mas hoje em primeira mão eu não sigo no Cuiabá”, afirmou o volante.


De acordo com ele, ficar no clube seria muito bom, pois já está adaptado e conhece bem o estado, onde foi revelado pelo Rondonópolis. “(...) Pelas propostas que eu recebi, pela campanha, o clube achou que não dava para fazer um esforço, mas eu entendo o lado do clube. Graças a Deus estou recebendo propostas boas e espero que logo se concretize. Tenho um carinho muito grande pelo Cuiabá, pelo que o pessoal fez por mim. Sempre estarei na torcida”, disse Jean Patrick.
 

Notícias da editoria